quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Parque Linear do Barigui ganha 210 mil m²

13/10/2010 - Agência Curitiba

O parque linear do Barigui, uma das metas do programa Viva Barigui, passará por mais uma etapa de consolidação. A Prefeitura incorporou 210 mil metros quadrados de área em dois trechos, proporcionando a recuperação e preservação de aproximadamente 2.526 quilômetros de margens do rio, numa faixa que varia de 20 a 50 metros. 

O parque linear interligará parques, bosques e áreas de lazer já existentes com novas unidades de conservação que serão instaladas, formando um corredor de biodiversidade e de infra-estrutura às margens do rio Barigui. 

O Viva Barigui, lançado em 2007, tem por objetivo reverter situações de degradação da bacia, adotando medidas de preservação de nascentes, conservação de ambientes naturais ainda existentes na região, ordenamento das áreas de ocupação irregular às margens do rio, em ações acompanhadas da recomposição da vegetação nativa e, conseqüentemente, melhoria da qualidade hídrica da bacia. 

"É uma soma de ações e tarefas a médio e longo prazo, seguindo um plano estratégico para recuperação da maior bacia hidrográfica da cidade", diz o prefeito Luciano Ducci.

Nos dois trechos, na Fazendinha e outro na CIC, foram incorporadas áreas ao patrimônio municipal por meio de diferentes instrumentos legais como pagamento de dívidas com o município, potencial construtivo, relocação de famílias em áreas de invasão e desapropriações.

No fim deste ano serão licitadas obras de implantação de equipamentos de lazer e ações de recuperação ambiental nos dois novos trechos do parque linear. Parte dos recursos para as obras, cerca de R$ 19 milhões, está no pacote de investimentos negociados pela Prefeitura com a Agência Francesa de Desenvolvimento.

Na Fazendinha, o novo trecho do parque Linear terá 120 mil metros quadrados, numa extensão que vai beirando o rio desde a rua Dionira Klemtz até o parque Cambuí. Nesse trecho, uma grande área de lazer será conectada ao Bosque da Fazendinha.

Entre os equipamentos previstos estão pista de caminhada, quadras esportivas, playground, iluminação, além da recomposição da mata ciliar com vegetação nativa. “A infraestrutura para uso público ajuda a população a se apropriar de forma ordenada do espaço, e ajuda a evitar invasões”, destaca o secretário municipal do Meio Ambiente, José Antonio Andreguetto.

O segundo trecho do Parque Linear do Barigui vai da avenida Senador Salgado Filho, perto do Contorno Sul, até a rua João Bettega, dos dois lados da margem do rio, num total de 90 mil metros quadrados. Nesse trecho, além da incorporação de áreas, a Prefeitura revitalizará a área de lazer Mané Garrincha, implantará pista compartilhada de pedestre e bicicleta nos dois lados da margem, além do plantio de vegetação nativa.

O segundo trecho abrange um pedaço da Vila Nova Barigui, antiga área de invasão de onde a Prefeitura, por meio da Companhia de Habitação de Curitiba (Cohab), transferiu 150 famílias que vivam em condições de risco às margens do rio, para sobrados de alvenaria do empreendimento Moradias Aquarela, na mesma região.

Relocação - A relocação de famílias de áreas de ocupação irregular é um dos componentes do Viva Barigui, coordenado pela Cohab e Secretaria Municipal do Meio Ambiente, para recuperação da faixa de preservação permanente do rio, com atuação em 13 vilas e transferência de um total de 807 famílias.

Em 2011, a Prefeitura prevê a incorporação de outros 90 mil metros quadrados de áreas ao Parque Linear do Barigui, nas regiões do Mossunguê, CIC, Santa Quitéria, Seminário e Fazendinha. “É um processo que vem sendo construído dentro de um planejamento, onde a Prefeitura prioriza investimentos e ações conjuntas”, diz Andreguetto.

Dados Gerais

>> O rio Barigui tem 60 quilômetros de extensão. Nasce em Almirante Tamandaré, a 15 quilômetros de Curitiba, e atravessa a capital do Paraná até desaguar no rio Iguaçu, na divisa com Araucária. Percorre 45 quilômetros em Curitiba.

>> Em Curitiba, a bacia do Barigui banha 144 quilômetros quadrados do território em 25 dos 75 bairros do município.

>> Ao longo da bacia do Barigui vivem 30% da população de Curitiba (457.571 habitantes).

>> Os principais afluentes da bacia do Barigui são: rios Uvu, Ribeirão dos Miller, Campo Comprido, Vila Formosa, Cascatinha, Ribeirão do França, Campo de Santana, o córrego Vista Alegre e os arroios do Pulador e do Andrade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário